Páginas

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Erro de comunicação/interpretação

Mantenha a calma, nunca se precipite!


Um homem está calmamente no supermercado a fazer compras quando de repente uma bela morena, dos seus trinta e poucos anos olha fixamente para ele e depois explode:

- Acho que você é pai de um dos meus meninos!


Incrédulo, faz um rápido exercício de memória, pensa na única vez que foi infiel à mulher e responde aflitíssimo:

- Você é aquela prostituta com quem fiz sexo, sem qualquer protecção, totalmente embriagado, à beira da piscina, naquela despedida de solteiro do Jorge, que estava ao nosso lado num bacanal com duas das suas colegas?


- Não. Sou professora de matemática do seu filho Joãozinho...

Nenhum comentário: